Gerenciamento de cache do squid



  • Opá pessoal, tudo tranquilo?

    Durante esses dias eu comecei a estudar o squid além das configurações básica, e sim estudando de forma mais aprofundada e durante o processo de estudo me deparei com algumas opções de configuração na seção de gerenciamento do cache. A opção que me chamou atenção e estou buscando entender como funciona, foi a opção de "sistema do cache", dando três opções principais de escolha (UFS, AUFS e DISKD) e encontrei alguns pronunciamento referente a essas opções. Agora eu vou dar uma explicada referente a essas opções que está relacionada ao tempo de resposta ao cliente "pelo que deu para entender de forma básica" e assim sendo complementada por vocês que tenham um conhecimento mais elaborado sobre essas opções.

    • UFS - essa opção é utilizada como padrão pelo squid e funciona como um único canal entre o software e o hardware.
    • AUFS - funciona da mesma forma que o UFS mais sendo de forma assíncrona.
    • DISKD - é a opção mais indicada na maioria dos pronunciamentos por ser a mais rápida em tempo de resposta.

    Então pessoal, foi isso o que deu para min entender sobre o sistema do cache, e estou postando esse tópico porque queria que alguém que tenham o entendimento sobre o assunto, nos faça uma explicação mais elaborada sobre as opções ou indique algum link ou tutorial  com relação ao mesmo.

    agradeço a atenção,

    Luiz Fagner.





  • Buenas!

    Então fagner.vieira… Além dos links postados pelo colega johnnybe, que ilustra muito bem a questão - já que a escolha do fs está diretamente ligada as tuas necessidades e ao cenário computacional em questão, vou deixar aqui minha opinião particular sobre o assunto.

    Pessoalmente, homologuei o UFS na maioria das implantações há um bom tempo. Isso porque desde meados de 2010, quando ele recebeu um path (http://svnweb.freebsd.org/base?view=revision&revision=211126) que aumentou significativamente o recurso de read-ahead (essencial em atividades de I/O de disco), ele melhorou muito a performance em geral, sem perder a "credibilidade" do fs mais antigo em atividade no FreeBSD.

    Se você observar o próprio material oficial de "Squid Tuning" cita que a maioria das pessoas perceberam melhora de performance com o Squid ao utilizar UFS dividindo o cache em partes (diretórios): http://doc.pfsense.org/index.php/Squid_Package_Tuning

    Nota: Tão importante ou mais que a escolha do sistema de arquivos, é a quantidade de memória RAM dispensada ao Squid (cache em memória sempre mais rápido que em disco, claro). Não obstante, quando a performance é relevante, procure usar discos mais rápidos (isso faz toda a diferença aqui).

    ;)

    Abraços!
    Jack



  • Mais um ponto importante sobre performance de disco no pfSense

    Melhorando a performance de disco no pfSense


Locked